terça-feira, outubro 27, 2009

Qual o perfil profissional do século?

Na atualidade, o mercado de trabalho evoluiu como nenhum outro. Não existe mais o modelo antigo onde os interessados, (chefe e colaborador) faziam o pacto da mediocridade: Faço de conta que estou dando o melhor de mim e você faz de conta que me paga um ótimo salário. O mercado de trabalho nos dias de hoje é exigente: admite somente funcionários comprometidos com a empresa, que buscam a excelência, que são extraordinários.

Que perfil o profissional deste século deve ter para ser bem-sucedido?
Segundo a Revista Exame 87%dos funcionários estão sendo demitidos não por falta de conhecimento técnico, mas pasmem: Pelo seu temperamento, dificuldade de se relacionar e incapacidade de liderar! A minha pergunta para você é: Você já se deu conta disto?
Na maioria das vezes, nos preocupamos em incrementar nossos currículos com cursos de aperfeiçoamento, pós-graduações, cursos técnicos,MBA mas esquecemos que a nossa ATITUDE e nosso COMPORTAMENTO é que fazem toda a diferença. Um bom currículo pode facilitar a contratação de um profissional, isto é verdadeiro. Mas o que vai mantê-lo no emprego e o que vai fazer sua carreira decolar é a sua ATITUDE!
Uma pessoa temperamental, resmungona, mau caráter, que não trabalha com vontade,mal educada, medíocre, inflexível e que não sabe ouvir, pode ter um currículo invejável mas infelizmente jamais será bem sucedida na busca de seus objetivos pessoais.
Mais do que nunca os profissionais necessitam buscar o seu aperfeiçoamento como ser - humano. Eu fico me perguntando se quando a empresa procura um profissional “com experiência” significa que a pessoa deve saber trabalhar em equipe, ter iniciativa, e dar o melhor de si. Pode ser que haja esta dificuldade de comunicação. Profissionais experientes podem ser considerados aqueles que tem iniciativa. E ter iniciativa significa fazer o que tem que ser feito na hora em que deve ser feito!
Existem pessoas que ainda usam a famosa frase: “Não sou pago para fazer isto!” , e quando declaram estão assinando sua identidade. São aqueles que se contentam com pouco, que acreditam que estão fazendo para a empresa. Não acordaram ainda para a realidade: Temos de dar o melhor de nós pelos nossos sonhos, pelas pessoas que amamos. Você já se questionou o que faz você pular da cama pela manhã? O que te motiva a fazer o que você faz todos os dias? Se a sua resposta for: O que me motiva são meus sonhos, minhas metas! Parabéns! Se não for, é melhor repensar sua vida. Pode ser que você não tenha descoberto ainda que não sabe para onde está indo e nem o quanto você está infeliz!
Se as empresas demitem por atitude e comportamento que dizer dos profissionais liberais? Aqueles que dependem do seu próprio desempenho e capacidade. Se você pensou que haveria uma fórmula diferente, sinto decepcioná-lo!As regras são as mesmas. O que vale é a paixão pelo que você faz. É dar o melhor de si, ser extraordinário e sabe qual é a boa notícia? Você fará isso por você mesmo, pela sua realização
Muita gente ainda não acordou para esta nova realidade. Reflita sobre isto!

Fumiko Koukeutsu
Practitioner em PNL
Leader Trainer

Nenhum comentário: